[Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ] [Escola de Química - UFRJ]

Núcleo de Estudos Industriais e Tecnológicos - UFRJ

centro de excelência na área de Gestão da Inovação, Inteligência Competitiva,
Prospecção Tecnológica e Monitoramento Tecnológico e Mercadológico

Costa Rica tem recorde de 75 dias com energia 100% renovável

O ano de 2015 já está sendo marcado por recordes na Costa Rica. Durante 75 dias consecutivos, toda a energia consumida nesse pequeno país da América Central veio de fontes renováveis.

A proeza foi alcançada graças às chuvas volumosas nos primeiros meses, que sustentaram a produção de suas quatro principais hidrelétricas. Outras fontes como eólica, solar, biomassa e energia geotérmica também ajudaram na oferta, conforme estudo do Instituto Costarricense de Energia (ICE).

Diferentemente do que vem ocorrendo no Brasil, a alta dependência das energias renováveis ​​e sua grande oferta já levou a Costa Rica a reduzir as tarifas de eletricidade em 12 por cento e, segundo previsões, as taxas devem continuar a cair no segundo trimestre do ano.

Mantida a atual situação favorável, o uso de usinas termelétricas é visto como uma última alternativa, o que gera ganhos ambientais e econômicos, porque não há necessidade de combustível fóssil, mais caro e poluente.

Apesar de ser um país com menos de 5 milhões de habitantes, a Costa Rica já fez grandes avanços no uso das energias renováveis e, segundo a organização ambientalista WWF, lidera na utilização de energias “limpas” na América Latina.

Mas o país também é fonte de inspiração em outras frentes ambientais, a ponto de ser considerado um fenômeno “verde”. Com inovação, planejamento e boa gestão, mandou para escanteio uma das maiores taxas de desmatamento do mundo, transformando-se em exemplo de conservação ambiental e disputado destino de ecoturismo.

Fonte: EXAME

COMENTÁRIOS

REDES SOCIAIS_