[Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ] [Escola de Química - UFRJ]

Núcleo de Estudos Industriais e Tecnológicos - UFRJ

centro de excelência na área de Gestão da Inovação, Inteligência Competitiva,
Prospecção Tecnológica e Monitoramento Tecnológico e Mercadológico

Technip anuncia aquisição de nova tecnologia de eteno via etanol

A empresa francesa Technip anunciou hoje a aquisição da tecnologia de conversão de etanol para eteno chamada Hummingbird®, da empresa BP Chemicals Ltd. O diferencial dessa tecnologia, comparada a outras tecnologias de ponta, é a sua simplicidade e baixo custo: ela converte etanol em eteno por meio de desidratação através de um catalisador que aumenta a seletividade e simplifica o processo. A tecnologia pode utilizar uma grande variedade de matérias-primas de etanol e pode ser facilmente integrado a plantas de etano  já existentes.

Segundo o presidente, Stan Knez, a aquisição da continuidade a estratégia da Technip de implementar tecnologias de processamento que a diferencie e tragam valor aos seus clientes. A Hummingbird®, segundo Knez, possibilita oferecer aos seus clientes um método alternativo para produção de produtos sustentáveis, ao mesmo tempo que expande as possibilidades tecnológicas da empresa, quando se fala em produção de plásticos como o PE, PET, entre outros.

A Technip hoje, com sua estratégia de ampliação das tecnologias de processamento, oferece produtos em cinco diferentes áreas de atuação, desde produtos petroquímicos (olefinas e monômeros), polímeros (nylon, poliestireno, ABS, etc) até gás natural e gases de síntese.

Angello Amorelli, Vice-Presidente do Grupo BP Research, comentou que a BP Chemicals Ltd, que tem um forte histórico de desenvolvimento de tecnologias diferenciadas, está extremamente satisfeita de ver a sua tecnologia de processamento Hummingbird® levada para o mercado através da Technip, uma empresa mundialmente conhecida de engenharia e licenciamento.

Hummingbird® está disponível para licenciamento através do centro da Technip em Milton Keynes, Reino Unido, que tem uma longa história de experiência com etileno. O desenvolvimento de catalisadores será responsabilidade do Centro de Pesquisas da Technip em Weymouth, Massachusetts, EUA.

Fonte: MaxiQuim

COMENTÁRIOS

REDES SOCIAIS_