[Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ] [Escola de Química - UFRJ]

Núcleo de Estudos Industriais e Tecnológicos - UFRJ

centro de excelência na área de Gestão da Inovação, Inteligência Competitiva,
Prospecção Tecnológica e Monitoramento Tecnológico e Mercadológico

BASF adia projetos que envolvem propeno nos EUA

A BASF resolveu atrasar a planta que transformaria metano em propeno no Texas devido à volatilidade no preço das matérias-primas. A diretoria afirmou que irá regularmente verificar o andamento dos preços e do mercado para determinar o melhor momento para dar início ao projeto.

Com o baixo valor do petróleo, abaixo dos U$S 50/barril, os negócios com propeno não estão mais tão lucrativos como há 2 anos quando o barril custava cerca de 100 dólares. Dessa forma, a BASF adiou 12 projetos relacionados ao produto no valor de U$S 1,2 bilhão.

O baixo suprimento e a falta de capacidade de produção nos EUA abriram as portas para a importação de propeno, mesmo assim a BASF mantém sua decisão.

Fonte: MaxiQuim

COMENTÁRIOS

REDES SOCIAIS_