[Universidade Federal do Rio de Janeiro - UFRJ] [Escola de Química - UFRJ]

Núcleo de Estudos Industriais e Tecnológicos - UFRJ

centro de excelência na área de Gestão da Inovação, Inteligência Competitiva,
Prospecção Tecnológica e Monitoramento Tecnológico e Mercadológico

Nova Chemicals, Borealis e Total anunciam joint venture

Nova Chemicals e Borealis estão formando uma joint venture com a Total Petrochemicals, para a produção de polietileno no Texas.

 

O projeto da JV inclui duas novas plantas localizadas no Texas: uma unidade para produção de polietileno, com capacidade de 612 milhões de toneladas, em Bayport, e um novo cracker de etileno, com capacidade de 998 mil toneladas, em Port Arthur. A nova unidade de PE deverá produzir a resina da marca Borstar, da Borealis.

 

A JV também inclui uma unidade já existente da Total com capacidade de produção de 399 mil toneladas de PE, em Bayport, Texas.

 

A empresas aguardam aprovações regulatórias e a JV deve ser estabelecida até o final de 2017. A decisão final de investimento sobre na unidade de PE para produção de Borstar deve sair no mesmo período. Se aprovado, o cracker de etileno e a unidade de produção de PE da Borstar devem iniciar produção no final de 2020.

 

As empresas esperar criar sinergias significativas com a JV, permitindo uma integração da cadeia de valor e o uso da tecnologia Borstar de propriedade da Borealis pela primeira vez nas Américas. A parceria também permitirá a exportação para mercados fora da América do Norte a fim de atender à crescente demanda global por PE.

 

Nova Chemicals, sediada em Calgary, no Canadá, é propriedade da International Petroleum Investment Co. (IPIC), de Abu Dhabi. A IPIC também é proprietária majoritária da Borealis, sediada em Viena. Total Petrochemicals é uma unidade da empresa petroquímica francesa Total SA.

 

A JV junta-se à uma lista crescente de expansões de capacidade de produção de PE na costa do Golfo dos Estados Unidos, que surgiram com os novos suprimentos de matéria-prima de gás natural em toda a América do Norte. Para 2017, ainda são aguardadas expansões da capacidade de produção de PE da Dow Chemical, ExxonMobil Chemical e da Chevron Phillips Chemical. Em janeiro, a Nova Chemical iniciou uma nova unidade de PEBDL com capacidade de produção de 454 mil toneladas, em Joffre, Alberta.

 

Fonte: MaxiQuim

COMENTÁRIOS

REDES SOCIAIS_